27 de outubro de 2016

Experiências exitosas de ATER concorrem à Seleção Nacional de Boas Práticas

O relato de cinco experiências exitosas, que contam com os serviços da Assistência Técnica e Extensão Rural do Instituto Agronômico de Pernambuco, foi encaminhado à Delegacia do MDA, para concorrer à Seleção Nacional de Boas Práticas de Assistência Técnica e Extensão Rural na Agricultura Familiar e na Reforma Agrária.

Os projetos selecionados serão anunciados durante o 2º Seminário Nacional de Boas Práticas de Ater, a ser realizado entre 5 e 7 de dezembro de 2016, em Brasília, e serão publicados em versão impressa, para ampla divulgação.Os trabalhos estão enquadrados nos eixos: Ater e Desenvolvimento Sustentável, que abrange  Sistemas sustentáveis de produção de base agroecológica e Cooperativismo e Associativismo; e no eixo IV - Públicos Específicos, que engloba Povos e Comunidades tradicionais, Jovens e Assentados da Reforma Agrária.

As experiências intitulam-se: Limolaigo Toipe (Terra dos Ancestrais): experiências em agricultura indígena do Povo Xukuru do Ororubá - Descrição de Uma Prática de Ater Indígena;  Muda Comocim - Experiência de inclusão socioeconômica em Camocim de São Félix;  Assistência técnica e extensão rural - ater para as famílias agricultoras do assentamento nascimento - Belém de São Francisco; Horta Feliz, no município de Cedro ; Banco Comunitário de Sementes Crioulas , em Sítio Cruz, Distrito de Miracica, no município de Garanhuns.

Fonte: Núcleo de Comunicação do IPA