13 de dezembro de 2017

Transição Agroecológica é tema de oficina em Jupi

Transição Agroecológica - Convivência com o Semiárido e Produção de Alimentos para a Segurança Alimentar e Nutricional Familiar. Esse foi o tema da 1ª Oficina de Fomento às Atividades Produtivas Rurais realizada, na quinta-feira (07/12), no Centro de Referência de Assistência Técnica Social (CRASS/Jupi), dentro das ações do Programa de Fomento as Atividades Produtivas Rurais.

O evento reuniu agricultores abaixo da linha da pobreza, no Cadastro Único para Programas Sociais (Cadúnico). A iniciativa conta com o trabalho do Escritório Local do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), no município de Jupi, coordenado pela Gerência Regional de Lajedo.

Na ocasião, foram ministradas duas palestras. A primeira sobre “Convivência com o Semiárido” e a outra sobre “Manejo de Suínos e Pequenos Animais”, pelo veterinário, Leonardo Gadelha, do Escritório Local do IPA, em Cachoeirinha. A programação incluiu também café da manhã, apresentação de trabalhos em grupo, almoço e dinâmica de grupo.

 “O objetivo é fazer com que as famílias beneficiárias consigam implementar projetos produtivos elaborados em conjunto com as equipes de ATER, por meio do recebimento de recursos financeiros, não reembolsáveis, no valor de R$ 2.400, pagos, disponibilizados  em duas parcelas”, explica o supervisor da Gerência Regional de Lajedo, Marcelo Gouveia.
As oficinas são realizadas por meio de Acordo de Cooperação Técnica - ACT, firmado entre o IPA,  Ministério de Desenvolvimento Social - MDS e  Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD).

Fonte: Núcleo de Comunicação do IPA