28 de novembro de 2019

Gado Girolando do IPA é destaque na 78ª Exposição Nordestina de Animais

O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) registrou um dos melhores resultados para o gado Girolando, nos julgamentos da 78ª Exposição Nordestina de Animais e produtos Derivados, que ocorreu até domingo (24), no parque de Exposição do Cordeiro. Algumas matrizes desse rebanho participaram da “Exposição Nordestina 2019”, realizada pela Sociedade Nordestina dos Criadores.

Nesse evento, o trabalho da Estação Experimental foi mais uma vez reconhecido com quatro premiações: IPA Deca, Grande Campeã, e IPA Jamantinha, Reservada Campeã na categoria Vaca adulta; IPA Mangueira, Grande Campeã e IPA Meriva, Reservada Campeã na categoria Novilha Mirin.  Na Exposição, participam grande parte dos criadores do Estado de Pernambuco, e de outros Estados do Nordeste, e que levam para sua região de origem a imagem positiva do trabalho realizado pelo IPA que tem como “O objetivo disponibilizar genética para os produtores da região, gerando o melhoramento do rebanho", conforme Júlio César, supervisor da Estação Experimental do IPA em Arcoverde. Através das pesquisas do IPA, é mantido a tradição de levar o que há de melhor da genética no nosso rebanho aos criadores.

A Estação Experimental de Arcoverde/IPA é referência na seleção e melhoramento genético da Raça Girolando. Há aproximadamente 40 anos a Estação seleciona animais 5/8 Girolando e realiza a produção de animais Puro Sintético (PS), tendo hoje um dos principais rebanhos do Brasil. O rebanho pode ser considerado patrimônio genético relevante para o melhoramento genético dos rebanhos de gado de leite do Estado Pernambuco, apresentando constituição genética singular, uma vez que é selecionado na região semiárida do Estado, e assim, apresenta grande poder de adaptação e produção nesse ambiente.

Fonte: Núcleo de Comunicação