21 de janeiro de 2021

IPA auxilia na produção da Horta do Palácio do Campo das Princesas

 
O aroma puro e agradável da Horta do Palácio do Campo das Princesas é possível perceber de longe. Implantada na área anexa à sede do governo, ao lado da controladoria do estado, a horta é a acompanhada por especialistas do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). O plantio de coentro, cover folha, berinjela e pimentão; realizado há 40 dias está sendo colhido nesse momento.  
 
Os produtos agroecológicos são compartilhados entre os próprios funcionários do Palácio do Campo das Princesas. O espaço faz parte do programa Horta em Todo Canto, coordenado pela Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional de Pernambuco (CAISAN-PE), que tem como iniciativa promover o cultivo de alimentos sem a utilização de agrotóxicos em equipamentos da administração estadual. 
 
A horta implantada nos jardins do prédio histórico foi idealizada pela primeira-dama, Ana Luiza, há 5 anos. As hortas comunitárias do projeto também inspiraram os pernambucanos a desenvolverem boas práticas ambientais e cívicas. Desde essa iniciativa nos espaços públicos, o Governo do Estado criou um efeito mobilizador. E, com isso, levou a atividade a outros setores da sociedade local. Além de unir as pessoas e aumentar a qualidade dos envolvidos, as hortas alteraram a paisagem, proporcionando uma integração com a natureza em grandes centros urbanos. 
 
Os alimentos cultivados nas hortas do projeto não podem ser comercializados e a sua produção poderá ser utilizada pelos servidores e também por usuários do órgão participante. No programa Horta em Todo Canto, são cultivados 27 tipos de hortaliças, temperos, verduras e legumes. 

Fonte: Núcleo de Comunicação