Publicaes | Folhetos Explicativos



FENO DE MANIÇOBA

Valderedes Martins da Silva
Vanda Lúcia Arcanjo Pereira

O QUE É MANIÇOBA E ONDE OCORRE?

Maniçoba é uma planta da caatinga nordestina, do gênero Manihot, com várias espécies, encontrada em quase todo o semi-árido brasileiro, vegetando em diversos tipos de solo e em terrenos planos a declivosos. Possui grande resistência à seca por apresentar raízes, com grande capacidade de reserva, mais desenvolvidas que às da mandioca, sua parente próxima.

QUAIS SÃO AS LIMITAÇÕES DO SEU USO?

A planta não deve ser fornecida fresca aos animais (logo em seguida ao corte) por apresentar, na sua composição, substâncias que, ao hidrolizarem-se, dão origem ao ácido cianídrico, ofensivo a todas as espécies animais.

QUAL O USO CORRETO DA MANIÇOBA?

Sob a forma de feno, pois durante a fenação a planta é triturada e, em seguida, exposta ao sol, quando, então, o ácido cianídrico se volatiliza (evapora) facilmente. De preferência deve ser fornecido aos animais (bovinos, caprinos e ovinos), principalmente na estação seca, associado à palma, melhorando o teor de matéria seca, fibra e proteína dessa outra importante forrageira.

COMO FAZER O FENO?

1. No  início  das  chuvas,  quando  a  planta estiver bem enfolhada, cortá-la a 20 ou 30cm do solo.

2. Eliminar os galhos grossos e aproveitar as folhas e ramos com expessura de um lápis.

3. Triturar, em forrageira de lâmina, as folhas e os ramos, reduzindo-os a pedaços de um a dois centímetros.

4. Espalhar o material triturado em camadas finas sobre lonas plásticas ou terreno cimentado, em ambiente aberto e exposto ao sol,  por dois a três dias, até que o material esteja quebradiço.

5. Revolver (virar) o material várias vezes durante o tempo de exposição, para facilitar a secagem  e garantir a uniformidade do feno e a sua qualidade.

6. Após fenado, armazenar em locais não sujeitos à ação da chuva.

QUAL O VALOR FORRAGEIRO DA MANIÇOBA?

            A folhagem da maniçoba e o seu feno possuem excelente aceitação pelos animais. Podem apresentar até 20% de proteína bruta e 60% de energia (NDT= nutrientes digestíveis totais). Assim o valor nutritivo do feno de maniçoba dependerá da quantidade de folhas na sua composição e das condições de secagem e armazenamento. Seu consumo poderá atingir 3,3% do peso vivo do animal; entretanto seu fornecimento, como o de qualquer outro alimento, nunca deve ser exclusivo ou único.

<< Voltar

COPYRIGHT © 2008 GOVERNO DE PERNAMBUCO
Av. General San Martin, 1371 - Bongi - Recife - PE - CEP: 50761-000 - PABX: (81) 3184-7200